quinta-feira, 20 de novembro de 2014

VÁRIAS RAÇAS?

Aborrece-me a maioria dos comerciais na TV. Fico imaginando se por acaso não estou em algum país da Europa. Somos três raças, um coquetel cultural de negros, brancos, e índios.Mas na prática, o que somos mesmo?
Com certeza, Monteiro Lobato e Silvério iriam adorar esses comerciais, pois cultivavam a ideia da eugenia; pois todos os que fazem essas propagandas são modelos, pessoas brancas, cabelos lisos, típico dos europeus. Mas cadê o negro, o mulato, o cafuzo,as outras raças fora a branca (branca?).Ás vezes sinto-me desrespeitado como telespectador, pois se as empresas querem captar a atenção dos compradores, então deveriam ficar mais próximos deles, mas a maioria dos brasileiros não são representados ali, as donas de casa não se veem ali, os trabalhadores braçais não se veem, quase ninguém. AS mulheres dos comerciais de cerveja são todas magras, modelos, e têm todas a mesma idade. Parece-me que todos os comerciais são dirigidos aos burgueses, só eles compram, só eles vão à feira fazer algo.Esquecem até da classe  média, exaltada por Lula, e difamada por Chauí, formadas por pessoas negras.A nova Classe Média. Só jogadores negros têm dinheiro? Sinto-me excluído. Então é vergonhoso mostrar o negro na tela? Só mostram as mulatas e negras rebolando, mostrando sensualidade? Quando chamam negros para aparecer na TV é para sambar, como se essa dança definisse tudo que o negro é. Umas mulheres com umas cadeiras gigantescas na tela. Segundo Gilberto, eram os lanchinhos dos senhores de engenho;uma belez que era apreciada, mas não se pode mostrar a sua beleza e valorizá-la publicamente. É assim que as tratam ainda hoje. E nos comerciais? Nada deles,e nada delas; para as agências de propagandas é vergonhoso, ou não vai fazer o produto vender. As empresas que as contratam devem achar a mesma coisa. A supremacia branca.
Mas não é só o negro que não aparece, mas os asiáticos também pouco aparecem.O índio também não faz parte do Brasil. Cada índia linda por aí. Que colocassem alguma, mesmo que não fosse modelo. A beleza pertence só ao branco? Tantos negros e negras bonitas, índios e índias, principalmente, lindas, mulatos,mulatas, cafuzos. Só branco é inteligente, só ele compra, só ele sabe fazer comercial ou atrai a atenção do publico.
Claro que não quero que coloquem somente negros pra fazer os comerciais, mas que pusessem todos, que misturassem todos. O Brasil não é só branco, e aqui também não é a Europa, somos miscigenados. Mas na prática "somos brancos".
Não assisto mais esses comerciais, todas as vezes que o faço é como se eu não estivesse ali, nada é dirigido a mim, mas a pessoas de pele mais clara. Vou fazer o quê na frente da TV? Nada ali é pra mim mesmo. A regra é: preto, logo não existe. É o mundo dos brancos, é o país deles. Os negros somos invisíveis nos comerciais. Não compramos nada mesmo, não trabalhamos. vivemos mesmo é na sombra. Até quando?